Mapa do Site    |    Pesquisa
| Actividades Outras Actividades

Visita à Exposição: Partículas: do bosão de Higgs à matéria escura

16 de Maio de 2016

 
busão cores-940x529
Para quem leu Lucrécio e admira a ousadia do seu pensamento, para quem tem presente a reflexão dos clássicos sobre a origem do Universo, esta exposição pode trazer-nos um interesse acrescido.
Vimos desafiá-lo a juntar-se a nós numa visita à exposição no dia 16 de Maio, às 17h, que será especialmente acompanhada por um dos físicos responsáveis pela actividade.

Para que possamos informar a organização do número de interessados, pedimos que nos manifeste o seu interesse até ao final da manhã de dia 16. A entrada é livre e a visita dura cerca de 40 minutos.
 
 

Sobre a Exposição

 

Exposição: Partículas: do bosão de Higgs à matéria escura
Átrio da Reitoria da Universidade de Lisboa, de 2 a 25 de Maio (segunda a sábado das 10h às 18h30).

"De que é feito o Universo?
Esta é a pergunta a que os físicos de partículas procuram responder, estudando as partículas elementares que compõem tudo quanto existe e a forma como elas interagem umas com as outras.
Conhecendo aquilo de que somos feitos, conseguimos também contar a história do Universo, aproximando-nos do momento em que tudo começou. Para comemorar os seus 30 anos, o LIP convida-nos para uma das grandes aventuras da ciência e da tecnologia: uma viagem pelos desafios da física de partículas para as próximas décadas, partindo das mais recentes descobertas em direcção ao desconhecido.

O visitante é acolhido e ele próprio "acelerado" em direcção à exposição com uma introdução às partículas e uma viagem pelo mundo dos detectores que nos ajudam a "vê-las". Cada módulo apresenta-nos depois um desafio. Os módulos são partículas: quarks e gluões, bosão de Higgs, antimatéria, neutrinos, matéria escura. E falam-nos do que se sabe, do que falta saber, das aplicações. E também do papel do LIP nesta aventura. O túnel interactivo do LHC, produzido pelo MediaLab do CERN (Conseil Européen pour la Recherche Nucléaire), Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear, é uma peça central da exposição. Aqui, os visitantes são convidados a acelerar os protões com a energia de um pontapé."

 

Mais informações na página www.lip.pt/particulas