Lendas de Roma

Pedida creditação como Acção de Formação

Coordenação:

Investigadora colaboradora:
 

Duração:

Número de horas do curso: 63 h
Horas de contacto efectivo: 40h
Horas de trabalho individual do aluno: 23h

Propina: 80 € (preço único)

Calendário e horário:

De 5 de Junho a 21 de Julho de 2012

Inscrições aceites até 4 de Junho de 2012

Terça-feira: 10h-12h
Quinta-feira: 10h-12h
Sábado (dois por mês): 10 h-13 h
Sábado dia 21 de Julho terá lugar a prova final, obrigatória para quem quiser pedir a creditação do curso.

Objectivos:

1. Aprender os elementos básicos da língua latina.
2. Reflectir sobre a herança linguística latina na língua portuguesa.
3. Conhecer as lendas da história de Roma e a sua recepção.

Normas de Avaliação:

1. A emissão de um certificado de participação com uma nota quantitativa implica:
a) a comparência a dois terços das aulas dadas;
b) a realização de uma prova escrita de avaliação, no final do curso.
2. A nota final será a média da avaliação contínua nos seminários e da classificação obtida na prova escrita.

Conteúdos:

Partindo da leitura de textos sobre as lendas de Roma, o curso consta de três seminários, que funcionarão alternadamente:
1. Iniciação à Língua Latina;
2. Do Latim ao Português;
3. As Lendas de Roma: Significado e Recepção (Rómulo e Remo, o Rapto das Sabinas, Horácios e Curiácios, Clélia, Múcio Cévola, Lucrécia).

PROGRAMA

Iniciação à Língua Latina
MORFOLOGIA
1. Morfologia nominal:
1.1. Temas em a-
1.2. Temas em o-
1.3. Temas em consoante
2. Morfologia verbal:
2.1. Indicativo
2.2. Infinitivo
2.3. Conjuntivo
3. Morfologia Pronominal
SINTAXE
1. Orações circunstanciais:
1.1. Temporal
1.2. Causal
1.3. Comparativa
1.4. Concessiva
1.5. Condicional
1.6. Temporal-causal
1.7. Final
1.8. Consecutiva
2. Orações completivas infinitivas e conjuncionais.
3. Alguns complementos circunstanciais.

Do latim ao português

1. Análise do vocabulário dos textos da antologia (semanalmente estudados nas aulas de iniciação à língua latina) e dos seus reflexos na língua portuguesa.
2. Prefixos e sufixos de origem latina.
3. Radicais latinos (como primeiro e como segundo elemento de composição).
4. Referência aos fenómenos fonéticos mais significativos na passagem do latim ao português.
5. Palavras divergentes: evolução por via erudita e por via popular.
6. A herança latina na flexão verbal.
7. Pronomes: reminiscências da diversidade de casos, nos pronomes pessoais; pervivência do género neutro, nos pronomes demonstrativos.
8. Expressões latinas de uso corrente.

BIBLIOGRAFIA

Iniciação à Língua Latina

Gramáticas
  • MIRANDA, P.e Manuel Francisco de, Gramática Latina. Braga, Depósito no Seminário de Braga.
Dicionários
  • FERREIRA, A.G., Dicionário Latim-Português. Porto, Porto Editora.
  • TORRINHA, Fr., Dicionário Português-Latino. Porto, Domingos Barreira.
Livro de exercícios
  • SOUSA, A.A.A., Curricula mentis (Exercícios de Língua Latina). Lisboa, Edições Colibri, 2004.

Do latim ao português

MARTIN, F., Les Mots Latins, Paris, Hachette, 1976
PIMENTEL, C., Religandum, Lisboa, Publicações da Revista Classica - 1, 1989
WILLIAMS, E. B., Do latim ao português (trad. de A. Houaiss), Rio de Janeiro, Edições Tempo Brasileiro, 1961