Mapa do Site    |    Pesquisa
Início

Lusitania Restaurata

Os humanistas e as nacionalidades ibéricas / Los humanistas y las nacionalidades ibéricas

FLUL - Sala B1 (Antiga Mapoteca)
16 de Dezembro de 2019

Lusitania Restaurata cartaz 

Entrada Livre

As linhas hegemónicas dos diversos estudos críticos do fenómeno do Nacionalismo, seja entendido como 'invenção' (E. Hobbsbawn) ou como 'comunidade imaginada' (B. Anderson), têm dado primazia à análise das configurações identitárias dos Estados Modernos, no período subsequente à Revolução Francesa. A iniciativa proposta pretende incrementar o interesse em relação ao estudo do Renascimento e do Barroco como períodos fulcrais na constituição de nacionalidades históricas em âmbito ibérico a partir de novas perspectivas críticas, diversas das lógicas nacionalistas imperantes em boa parte do século XX, até o fim das duas ditaduras ibéricas.
Sendo o estudo da tradição clássica e a sua transmissão na Península Ibérica uma das principais áreas da investigação que se desenvolve no Centro de Estudos Clássicos da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, o Colóquio Internacional que irá decorrer na Faculdade de Letras no dia 16 de Dezembro pretende chamar a atenção para a utilização política dos autores clássicos e o seu aproveitamento na construção de identidades nacionais ibéricas, assim como para o papel fundamental da produção humanística, neolatina e romance, em tal construção.